Food, Health

Sucos e vitaminas para uma vida saudável

É uma estatística assustadora que, no Reino Unido, consumamos em média cerca de 2,7 porções de frutas e vegetais por dia, o que contrasta fortemente com a mensagem “5 por dia” do governo do Reino Unido, de que todos conhecemos. Cada porção de frutas e vegetais consumidos por dia fornece 20% de nossas necessidades diárias de nutrientes antioxidantes e protetores, portanto, é essencial que otimizemos essa ingestão para nosso próprio bem-estar individual. Sucos e ‘Smoothies’ fornecem um método alternativo para ajudar a otimizar a ingestão nutricional diária.

Nosso artigo desta semana é fornecido pela Terapeuta Nutricional Tess Strom, que ministra palestras sobre o Minicurso Juicing for Health na CNM (College of Naturopathic Medicine). Aqui, ela nos apresenta os benefícios nutricionais dos sucos Faça Você Mesmo e fornece uma receita de ‘Bloat away’ como um exemplo de como os sucos podem ser úteis no tratamento de problemas de saúde específicos.


Os sucos podem ser considerados por muitos como a última moda da saúde, mas o uso dos sucos para a saúde pode ser datado de Hipócrates (470 aC), o grande curador e pai da medicina ocidental. Ele acreditava firmemente no uso de sucos para manter a saúde e tratar doenças.

O mesmo aconteceu com o médico e fitoterapeuta John Halt (1575), que tratou o escorbuto (deficiência de vitamina C comumente desenvolvida por marinheiros) com agrião e suco de ervas que continham vitamina C.

Em tempos mais modernos, Norman Walker destaca-se como o grande defensor dos sumos, tendo desenvolvido o primeiro espremedor de sumos a frio que ainda hoje é muito utilizado. Ele faleceu dormindo na idade avançada de 99 em 1985, o que não é uma façanha ruim.

Além disso, uma publicação do Ministério da Saúde britânico na década de 1950 observou: “Os sucos são valiosos no alívio da hipertensão, doenças cardiovasculares e renais e obesidade”.

Evidências científicas à parte, é claro que é importante distinguir entre sucos crus, feitos na hora, e sucos pasteurizados que você encontra nas prateleiras de muitos supermercados. Para a longevidade, esses sucos precisam passar por um processo de aquecimento, que infelizmente compromete e até destrói alguns dos nutrientes e antioxidantes frágeis e complexos que, em primeiro lugar, conferem aos sucos seus poderes curativos.

Qual Suco ?

A extensão deste artigo é muito curta para obter detalhes sobre qual espremedor específico usar. No entanto, o que aconselho é obter o melhor espremedor de sumos que o seu orçamento permitir. Eu recomendo altamente espremedores mastigáveis ​​(prensados ​​a frio) em vez de centrífugos.

Os espremedores centrífugos usam alta velocidade para extrair o suco, isso aquece ligeiramente o suco, assim como chicoteia em oxigênio, reduzindo assim a qualidade. Já os espremedores mastigadores, devido à velocidade lenta, não prejudicam o suco, portanto, podem ser armazenados na geladeira em recipientes herméticos (de preferência de vidro, cheios até o topo) por até 48 horas.

É orgânico necessário?

Outra consideração ao fazer sucos é decidir entre produtos orgânicos e não orgânicos. Mais uma vez, recomendo usar quantas frutas e vegetais orgânicos que seu orçamento permitir, a fim de reduzir os resíduos de pesticidas tóxicos. É importante notar que mesmo frutas e vegetais orgânicos podem ser encerados e isso é particularmente comum com frutas cítricas como limões, limas e laranjas. Se possível inclua a casca, tantos nutrientes nas plantas estão contidos logo abaixo da pele, no entanto, se encerada sempre descasque.

O ideal é usar também vegetais com folhas verdes orgânicas, bem como vegetais crucíferos, como brócolis, couve-flor e couve (estes têm uma tendência de absorver muitas toxinas do solo). Bagas são difíceis de lavar adequadamente e não podem ser descascadas, portanto, use também as frutas orgânicas.

Suco ou Smoothie?

Acredito muito na variedade no que se refere ao consumo de alimentos. Seu corpo precisa de várias vitaminas, minerais, enzimas e antioxidantes e, como nenhum alimento contém todos esses nutrientes, é importante alternar o que você consome. Consumir o mesmo tipo de alimentos, sejam crus, cozidos, processados, em suco ou misturados pode se tornar enfadonho e pode potencialmente criar intolerâncias alimentares. Por essas razões, alterne entre sucos e vitaminas dependendo do que você acha que seu corpo precisa no dia.

Os sucos são um alimento líquido fantástico, com inúmeros benefícios:

  • Suave para o corpo – o processo de sucção remove a maior parte do volumoso ou fibra insolúvel através da polpa, permitindo que os nutrientes sejam absorvidos pelo corpo quase que instantaneamente. Isso é ótimo em casos de digestão comprometida, fraqueza ou deficiências nutricionais.
  • Ingestão ideal de nutrientes – para muitos, a proporção ideal de vegetais a consumir é de cerca de 20g por kg de peso corporal, ou seja, mais de um quilo de vegetais por dia. Isso pode ser bastante difícil para alguns mastigarem. Ao espremer alguns vegetais, a quantidade ideal de nutrientes pode ser absorvida pelo corpo.
  • Variedade – é muito mais fácil experimentar e variar a ingestão de vegetais ao fazer suco, em vez de comer a mesma salada velha ou vegetais cozidos no vapor dia após dia. Divirta-se com isso!
  • Escolha – embora os sucos sejam fantásticos para a nutrição, já que a maioria das fibras é retirada, o uso de muitas frutas pode prejudicar o açúcar no sangue. Portanto, é importante minimizar o uso da maioria das frutas e, em um grau menor, de vegetais com amido, como cenoura e beterraba, concentrando-se em vegetais de folhas verdes, couve, ervas, pepino, aipo, limão e lima. Isso é particularmente importante para diabéticos.

Eu incentivo meus clientes a consumir pelo menos um suco fresco por dia e o horário ideal é a primeira hora da manhã ou como um lanche da tarde com o estômago vazio, quando os nutrientes serão absorvidos mais rapidamente. Smoothies, por outro lado, podem ser mais substanciais, então são ótimas opções de café da manhã rápido.

Os smoothies também têm vários benefícios:

  • Fibra – como todas as frutas e vegetais são misturados em um smoothie, a ingestão de fibras é maximizada, o que é ótimo para saciar e manter nossos movimentos intestinais regulares.
  • Pré-digerido – embora estejamos usando frutas e vegetais inteiros, devido ao processo de mistura, as paredes celulares das plantas são quebradas em líquidos mais digeríveis, por isso são mais fáceis de digerir do que ao mastigar alimentos inteiros.
  • Ótima base – Smoothies são adequados para adicionar alimentos como sementes, nozes, especiarias e verdes, energia e proteína em pó, bem como ‘superalimentos’.
  • Balanço de açúcar no sangue – a fibra diminui a velocidade com que a glicose do smoothie é absorvida, diminuindo assim o efeito sobre os níveis de açúcar no sangue. Teoricamente, portanto, pode-se usar um pouco mais de frutas ou vegetais com amido em um smoothie do que em um suco. Ainda não recomendo mais do que ½ maçã ou fruta equivalente por suco / Para quem gosta de comer, comece com quantidades maiores de frutas. No entanto, o ideal é que esses ingredientes sejam substituídos por ingredientes menos doces ao longo do tempo.

Juices For Glowing Skin: 9 Elixirs To Drink Up For A Healthy Skin! - NDTV  Food

Como fazer sucos e vitaminas saudáveis ​​e nutritivos

Para começar, você precisa de uma base:

  • Pepino – alto teor de água e baixo teor de calorias. Também tem um sabor leve, mas contém um número surpreendente de nutrientes, o que o torna excelente para hidratação. Use ¼ – ½ pepino por suco / smoothie.
  • Aipo – baixo em calorias, o aipo também é rico em nutrientes que ajudam a proteger a integridade do revestimento do estômago, além de fornecer propriedades antiinflamatórias. Use ½ – 3 talos por suco / smoothie.
  • Líquidos – em vitaminas, adicione água filtrada, água de coco, chás de ervas e verdes resfriados, leites sem laticínios, como coco, amêndoa, avelã, cânhamo ou, se tolerado, leite com leite. Por ser geralmente difícil de digerir, não recomendo leite de soja.

 Doçura:

  • Maçãs e Peras – contêm a fibra solúvel de pectina, que acalma a parede intestinal, reduz a constipação e melhora o equilíbrio da flora intestinal.
  • Limões e limas – embora sejam frutas ácidas, têm um efeito altamente alcalinizante no corpo. Ricos em nutrientes, são ótimos para adicionar um pouco doçura de baixa caloria. Use ¼ – ½ por suco.
  • Abacaxi – contém bromelaína, uma enzima digestora de proteínas eficaz na saúde digestiva, no alívio da dor e na inflamação.
  • Mirtilos – também conhecidos como cerejas, ricos em antioxidantes ajudam a melhorar a memória e a clareza.

 Adicional:

  • Vegetais crucíferos – vegetais crucíferos como repolho, brócolis e couve-flor têm uma capacidade incrível de limpar as toxinas do nosso corpo, então inclua-os em sua dieta, seja em suco ou no vapor.
  • Ervas e especiarias – todas cheias de nutrientes, são muito potentes, por isso comece com pequenas quantidades. Ervas frescas são melhores, mas temperos secos podem ser usados. Experimente seus sabores favoritos.
  • Folhas verdes – couve, agrião, rúcula, folhas de dente de leão, alface e acelga são todos ricos em vitamina C e magnésio. Eles têm benefícios de cura e são ótimos desintoxicantes.
  • Brotos – os brotos são alguns dos alimentos mais nutritivos do planeta. Rico em vitaminas e minerais e, surpreendentemente, também em proteínas. Experimente também variedades de alfafa.
  • Superalimentos – são tantos: lúcuma, cacau, maca, açaí, espirulina, grama de trigo, pólen de abelha, matcha, moringa, baobá, só para citar alguns. Gire sua escolha e divirta-se!

Meus clientes, e os alunos do Curso de Juicing que ensino no CNM, sempre ficam surpresos quando lhes mostro como certas plantas também têm propriedades curativas específicas que são úteis para várias condições. Se você deseja promover a saúde geral do intestino e os processos digestivos, dar um impulso ao seu sistema imunológico, reduzir a inflamação, aumentar sua energia, aumentar a clareza mental, existem ingredientes naturais essenciais que proporcionam benefícios específicos.

Para lhe dar um gostinho, como os problemas digestivos são infelizmente muito comuns na sociedade atual, incluí a receita de um sumo, que considero particularmente útil para muitos dos meus clientes. É ótimo para acalmar o intestino e também para aliviar o inchaço e os gases, e pode até ajudar a reduzir as úlceras estomacais. O suco de repolho tem um sabor extremamente suave e doce, então não deixe que sua inclusão o desanime!

Receita de suco ‘Bloat Away’

3 folhas de repolho – você pode usar qualquer tipo de repolho (pode funcionar até ½ repolho em casos de úlceras estomacais)

½ -1 pêra ou 3 fatias de abacaxi fresco

1 polegada de gengibre

4-6 folhas de hortelã

Lave, pique e suco todos os ingredientes.

O suco de repolho tem a capacidade de aliviar os sintomas de refluxo ácido. Além disso, o repolho contém sulforafano, que é capaz de combater a Heliobacter Pylori (H. Pylori), a bactéria que desempenha um papel no desenvolvimento de úlceras pépticas ou estomacais. A pêra contém pectina, fibra solúvel, que acalma a parede intestinal, reduz a constipação e melhora o equilíbrio da flora intestinal. O abacaxi contém bromelaína, uma enzima digestiva que não só auxilia na digestão de proteínas, mas também tem a capacidade de reduzir o inchaço, gases e outros sintomas da síndrome do intestino irritável (SII). Também demonstrou ter um efeito redutor na inflamação em doenças do intestino irritável (DII). O gengibre é calmante para o sistema digestivo e ajuda a reduzir a flatulência. A hortelã tem um efeito relaxante no trato digestivo e pode ajudar a aliviar espasmos e cólicas.

Se você ainda não faz suco, eu realmente espero que isso o tenha inspirado a querer investigar mais a fundo como você pode tornar os sucos de vegetais uma parte de sua vida diária.

Desejando a você Feliz Suco!.

[easy-fans show_total=”0″ hide_title=”1″ columns=”3″ template=”metro” effects=”essbfc-no-effect”]

Previous ArticleNext Article

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *