Business, Finance, Technology

Saúde é riqueza: como os bancos podem ajudar seus clientes a se manterem saudáveis

Bancos e saúde do cliente 

‘Saúde é riqueza’ é um ditado antigo. Os bancos têm sido tradicionalmente associados à parte ‘Riqueza’ dos clientes, mas acredito que agora é um momento para os bancos se envolverem também na parte ‘Saúde’. Fazer parte do regime de saúde dos clientes é o novo mantra. Tem benefícios duplos, ajuda o cliente a criar um estilo de vida saudável e também dá uma imagem de marca positiva à empresa que dela se torna parte.

As empresas móveis estão surgindo com vários rastreadores de saúde, como pedômetros, sensores de frequência cardíaca, sensores de temperatura, etc. Existem muitas empresas surgindo com aplicativos móveis para rastrear dados e sensores de saúde. Empresas organizam atividades e sessões relacionadas à saúde para seus funcionários e clientes e assim por diante.

Os bancos podem se envolver de muitas maneiras e fazer com que os aspectos do cliente relacionados à saúde façam parte de sua oferta de produtos. Listando algumas das maneiras pelas quais os bancos podem incentivar os clientes a adotarem um estilo de vida saudável.

  • Ter pontos de cartão de crédito / débito como pontos de saúde que podem ser trocados por itens relacionados à saúde.
  • Instalação de caixas eletrônicos / quiosques em academias / clubes de saúde. Fornecimento de descontos / benefícios especiais para transações por meio deles.
  • Vínculos com vários ginásios / clubes de saúde para pacotes especiais
  • Fornecimento de exames de saúde como uma oferta de conta de varejo
  • Tornar os dados de saúde uma parte da coleta de dados para a abertura de contas ou desembolsos de empréstimos.
  • Oferecer recursos do produto com base na pontuação de saúde do cliente, assim como os recursos são personalizados com base na profissão, níveis de renda, demografia etc. 

Pontuação de saúde

 Para um banco, a saúde financeira de um cliente é de extrema importância. Porém, se for um cliente varejista, além da saúde financeira, a saúde física do cliente também se torna importante, pois impacta diretamente na capacidade de ganho do indivíduo.

Assim como a pontuação de crédito, pontuação de risco, deve haver uma pontuação de saúde mantida para o varejo de cada cliente pelo Banco.

Deve haver pontuação de saúde adequada identificada para cada cliente individual com base nos detalhes de saúde obtidos de várias fontes, como seguradoras, agências de saúde, hospitais, etc. Para certos produtos, como empréstimos pessoais inseguros, isso será especialmente útil porque os bancos geralmente não têm garantia contra o empréstimo e a decisão é baseada na capacidade de ganho do cliente. Com o tipo de estilo de vida que as pessoas estão tendo atualmente, certas doenças e enfermidades que eram comuns em pessoas com mais de 50 ou 55 anos de idade estão se tornando comuns na faixa etária de 30+

Manter uma boa pontuação de saúde pode levar os clientes a ter um bom regime de saúde. Também ajudará os bancos a ter uma participação maior na vida dos clientes.

Conclusão

 Hoje, as empresas de comércio eletrônico, empresas automotivas e fabricantes estão lançando seus próprios produtos financeiros e proporcionando forte concorrência aos bancos. Se os bancos querem sobreviver, eles precisam criar produtos inovadores e também se envolver mais na vida dos clientes. O foco na parte da saúde dos clientes pode fornecer esse impulso tão necessário aos bancos. Do ponto de vista do cliente, isso tornará os bancos não apenas os guardiões de seu patrimônio, mas também de sua saúde.

[easy-fans show_total=”0″ hide_title=”1″ columns=”3″ template=”metro” effects=”essbfc-no-effect”]

Previous ArticleNext Article

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *